quinta-feira, 18 de dezembro de 2008

Você saberá ENXERGAR?

O NATAL está chegando... e você nesse corpo mole, com preguiça de ler, preguiça de levantar, preguiça de pensar... VAMOS, VAMOS, Acorde!
Com a aproximação do Natal, onde é celebrado o “nascimento de Jesus” para umas das maiores religiões do mundo, explodiu na minha cabeça uma tremenda interrogação.
Ouvi uma frase, esse sábado, que já conhecia, mas ela me faz muito sentido ultimamente: “Você vive para ver e quando vê, não acredita!”
Você, independente de sua religião ou ausência de religião, já parou para pensar que a humanidade está ETERNAMENTE esperando a vinda OU retorno do Messias Salvador?
Alguns fazem cálculos, outros se apóiam em profecias. Grupos estudam antigos escritos... e a coisa está lá: O Salvador chegará!

Quase todas as religiões, aguardam a chegada de um Messias Salvador... a pergunta que explodiu na minha cabeça foi: E se ELE já chegou? E se ele está PASSANDO e não estou vendo?
Então comecei a me indagar sobre “como esta pessoa seria”! (?????????????)

Você já pensou nisso? Já lhe ocorreu como seria?

E se hoje ele tem um emprego regular, é exímio jogador de play-station, adora ler gibis e está no time de futebol da faculdade? Ou é uma garota da sua sala de aula, até que gostosinha...
E se ELE tem uma namorada chatinha, anda de skate e tem certa dificuldade em lidar com os pais que não dividem com ele uma visão humanista e evoluída?
Já lhe ocorreu que ele poderia estar no mesmo vagão do metrô que você? Ou ter uma banda de rock? Ou gostar de correr com seu carro? Ou transmitir tudo que sabe através dos filmes que escreve?
Desde a sempre, todos os profetas, enviados, e que se tornaram (não por escolha própria) líderes religiosos, tiveram vidas normais. Profissão, amigos, nacionalidade, inimigos, sonhos... Por que dessa vez seria diferente? Ou será que ele seria um barbudo, descabelado, de sandália, manto, peregrinando pelo deserto? Em pleno século XXI...!!!!!!!!
Atualmente, como ele seria ouvido? Youtube, talvez!

Deixo para vocês, a chance de uma reflexão. Independentemente de sua religião (ou ausência dela) ou de seu caminho evolutivo-espiritual...
É uma pergunta simples que pode ser respondida por qualquer um que tenha “tele-encéfalo super desenvolvido e polegar opositor”:


Se o Messias Salvador, estivesse vivo nos dias de hoje e tivesse 23 anos de idade, como ele seria? O que faria? Onde estaria?


Vale a pena pensar nisso, de sua resposta nos COMENTÁRIOS, com a aproximação do dia 25 de dezembro, afinal “vivemos esperando ver e quando vemos, não acreditamos”.


10 comentários:

Carioca disse...

gostei mto do questionamento. realmente acho q algo sera achado na relacao politica/economia, sao onde as coisas tem mais longo e profundo alcance. o resto eh tudo cereal.

http://raciocinioquebrado.blogspot.com/

Anônimo disse...

Ao ler seu texto, mesmo que houvesse o nome do autor, logo idenficaria como seu Felipe.
Seu modo de escrever e o quetionamento é único.
No paragráfo que vc diz que Jesus pode ter um banda de rock pensei novamente em vc, e vi seu rosto no desenho do texo.
Impagável!!
E muito verdadeiro.
Bjl

Rosa disse...

Ops, enviei o texto sem correção. *texo=texto
Bjs
Rosa

Rubra disse...

Já havia pensado nisso.. Mas com essa ótica, nunca... Realmente me fez refletir bastante... Que coisa mais louca, não?
Acredito que ele seria normal, talvez tivesse um blog onde divulga o evangelho... Estaria tentando entender porque ainda nos preocupamos com coisas tão susupérfluas e esquecemos da fé verdadeira, do amor incondicional e puro ao nosso Pai.
“vivemos esperando ver e quando vemos, não acreditamos”
Acho que é exatamente assim que vai acontecer, quando o dia chegar...

http://dairauber.blogspot.com/

Camila disse...

Temos a imagem do Messias, de Cristo, de 2000 anos atrás. E temos que lembrar, que naquela época, ele até a idade que começou a pregar, teve uma vida comum. E por que não aconteceria agora?
E por que ele estaria pregando o já manjado evangelho que foi mais que provado que todo mundo meteu um dedo ai, até porque, quem conta um conto aumenta um ponto, e foram colocadas interpretações sobre interpretações.
Um novo Salvador pode estar ai, no sofá da sala jogando videogame e ter uma visão totalmente nova de religião, busca e evolução. E por que não ouvi-lo, certo?
Adorei o texto, muito mesmo. Faz pensar que, pode ser seu vizinho. E se for, você aceitaria esse cara que tira o lixo de pijamas como sendo mais evoluido que você?
Um abraço para vocês e boas festas.

[flor] disse...

felipe!
eu realmente concordo com a pessoa que escreveu que conhece seus textos mesmo se não estiverem assinados.
eu digo o mesmo.
e digo que sou grande fã dos seus pensamentos e questionamentos.
simplesmente adoro o que escreves e como escreves.

juro que vou pensar hoje, calmamente, numa resposta para o que perguntou.
vai virar um post aqui e no meu blog tb!
=D

beijos!

Noise disse...

Eu acho é que ele nunca foi embora... só ficou de saco cheio.

b disse...

Ele seria um átomo , como um minúsculo solzinho, no coração de cada um.
Dividido entre todos.
No seio de todos.
No meio de todos.
a "hóstia consagrada" que cada um carrega em si.
Por isso, apesar de tudo e até apesar das religiões, a gente não resiste à idéia de ter Natal.
Ter um pequenino lembrando que renasce, ou melhor, que tá aqui sim.

ligiaferraz disse...

nunca pensei nisso. mas concordo com a frase, que se o novo messias jogasse video game e estudasse na faculdade, eu não acreditaria.
mas acho que por não acreditar que ele exista ou que ele um dia venha, acabo não pensando nessas coisas! hehehe
beijao

[flor] disse...

[quem seria Jesus hoje? um jovem no auge dos seus 23 anos de idade, usando jeans, camisetas coloridas com estampas criadas por ele mesmo e de all star. ele deve curtir rock, lê biografias e livros de fábulas e contos de fada (ele é um sonhador).

ele não tem religião e talvez nunca tenha lido a biblía, afinal, pra que ele faria isso? é a história dele mesmo e essa ele conhece muito bem!

Jesus não fuma, não bebe (um vinho de vez em quando, vai?), não usa drogas, não rouba, não mente, não grita com as pessoas e nem se estressa na fila do supermercado.

ele é educado, tem fé na vida, fé nos seres humanos e se comove com as tragédias que acontecem diariamente no mundo. ele se emociona, se encanta ao perceber que ainda existem pessoas com o espírito elevado a Deus, que praticam o amor ao próximo, a bondade gratuita, a compaixão.

Jesus nem deve ter esse nome... talvez ele seja joão, daniel, otávio. mas em sua alma ele sabe o significado de ser filho de Deus e reconhece os seres humanos como seus irmãos.

ele tem muitos amigos, pessoas que o admiram de verdade e nem fazem idéia de que aquele rapaz doce e de sorriso largo é o tão esperado Messias.
ele não tem inimigos, mas as vezes desperta a inveja de almas pequenas, que não entendem a razão dele sempre conseguir tudo o que quer, apenas com seus próprios esforços.

pra mim, Jesus deve ser estudante de psicologia, pois ele tem essa necessidade, essa gana por tentar entender a mente dos homens. ele quer ajudar a quem quer se conhecer melhor, e fazer com que todos entendam que seus problemas são fonte dos próprios atos.

ele gosta de música. e não acha que beatles e rolling stones sejam coisa do "capeta". ele gosta de arte nas suas mais diversas formas: poesia, literatura, fotografia, escultura, pintura...

Jesus é inteligente e tem o dom da oratória, mas ele não prega mais pelas ruas, as pessoas "modernas" achariam estranho e o chamariam de louco... mas ele encontrou outra forma de se manifestar: ele leva conforto a doentes em hospitais, como voluntário. e também visita orfanatos e tira sorriso de crianças vestido de palhaço, de mágico, de astronalta.

a palavra dele é transmitida através de blogs, onde ele usa apelidos engraçados, mas fala coisas muito sérias, na linguagem atual.
Jesus não tem mil amigos no orkut, nem no msn... ele apenas escreve, para todos, sem distinção... ninguém sabe quem ele é!

ele pode estar aí, em algum lugar... tirando fotos de casais apaixonados, ou fazendo grafites pelos muros cinzas das cidades...
ele pode ser seu melhor amigo, aquele por quem você daria a vida, ou pode ser aquele ilustre desconhecido, que sempre se levanta para dar lugar aos idosos no metrô.

ele fala, ouve e pensa como todos nós somos capazes de fazer.
você pode até ter visto um dos desenhos ou textos dele por aí, num muro, ou num "spam" que foi deletado...
você pode ter virado a cara quando ele, sem ao menos te conhecer, te disse bom dia, ou quando num dia cinza elogiou o céu (o cara é doido?!?)

as vezes você pode estar ao lado dele em corpo físico... mas comece a pensar se o seu coração também está!]